Buddha Quotes

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Aloe Vera

Já antes tinha mencionado num post as qualidades do aloe vera. Podemos aproveitá-lo como mezinha para hidratar a nossa pele ou para recuperação de feridas, queimaduras, como já tenho feito inclusivamente com animais.
Para quem não conhece, o aloe vera, é um cacto carnudo. Também é conhecido como babosa, pelo seu interior ser tão viscoso, como baba:
Eu utilizo-o assim:
Corto uma folha que me pareça que vai dar boa quantidade de líquido.

Fatio-a no seu comprimento como se fosse uma Baguete e retiro o recheio com uma colher (ou mesmo com uma faca) para um copo misturador.

Depois passo a varinha mágica e o líquido fica parecido com claras em castelo, mas mais espumoso, e não tão firme.

Claro que pudemos usá-lo directamente, mas desta forma rende mais. Depois como normalmente não uso todo o líquido de uma vez, coloco numa caixinha no frigorífico. Depois é só aplicar na pele devidamente limpa (ou no caso do animal, o mais limpa possível). O líquido não  parece durar muito tempo no frigorífico. Ao cabo de uns 4 dias já tem uma côr duvidosa e já não uso mais. Mas é sem dúvida um bom hidratante, como o aplico sem luvas as minha próprias mãos notam bem a diferença...



3 comentários:

  1. O meu Aloé está num vaso pequenino com terra muito seca, por isso não está verdinho (quando aqui colocar as fotos da "horta", vês).
    Mas quando o transplantar quero usá-lo na pele directamente como a minha mãe faz, especialmente nas sardas. Ela enrola-o em película aderente e conserva-se no frigorífico mais de uma semana, só sendo necessário reavivar a borda.

    E só te tenho a dizer que os teus pacientes têm muita sorte em te ter! :-D

    ResponderEliminar
  2. Ora nas sardas ainda não me tinha lembrado! Tenho que experimentar nas minhas que despoletam quando chega o Verão! O meu cacto por ser idependente (como os gatos) é a unica planta que consigo manter cá em casa. Em ultima instância lá cedo eu uma folhinha quando o cliente não consegue arranjar de maneira nenhuma! (é o único que eu tenho).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se o fores mudando para um vaso cada vez maior, consegues que ele vá crescendo cada vez mais e dê "filhos"!
      Depois é só replantar os filhos, juntar um panfleto com os benefícios do Aloé Vera e tens uma resma de prendas de Natal despachadas! :-D

      Eliminar