Buddha Quotes

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Mini muffins de chocolate



A receita não é nova, é a do bolo de caneca! Apenas verti o conteúdo para as forminhas! Nada mau para apresentar com um cafézinho! E rápido também! Mantém-se a regra dos 3 minutos no microondas!

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Aproveitamentos de refeições

Cá em casa não costuma haver desperdício, comida deitada fora. Tento sempre reaproveitar quase no acto ou congelo para posterior consumo, "reciclagem", podendo ainda servir para levar para o trabalho!
Vou dar um exemplo de duas receitas agradáveis (não têm foto porque a boca foi mais rápida que a máquina fotográfica), em que a segunda é um aproveitamento da primeira:

Coxas de frango com caril e arroz basmati - (almoço)

Colocar vários dentes de alho picadinhos num tacho com um pouco de azeite.  Ter já frango temperado com um pouco de sal, pimentão doce, caril e um pouco de limão. Colocar o frango no tacho quando o azeite estiver quente, deitar apenas um pouco de leite normal (deforma a conseguirmos ver o frango, não o cobrindo totalmente)  e ir cozinhando em lume brando, acrescentando um pouco mais de leite à medida que vai desaparecendo. Eu sei que parece que há um eterno casamento entre o leite de côco e o caril, mas essa mistura não me puxa tanto ao paladar. Experimentei antes o leite normal e não me arrependi.
À parte e na mesma com alho picadinho em azeite, deixei o arroz basmati "fritar" um pouquinho antes de colocar água (uma dose arroz para duas de água). Deixei cozer em lume brando e juntei linguiça e ervilhas.
Resultado: As coxas de frango desapareceram, mas o arroz foi demais para as coxas e sobrou!

Tiras de perú com arroz xau xau - xau xau, porque desta vez foi todo embora! - (Jantar)

Para o jantar tinha descongelado apenas 2 bifes de perú, que para duas pessoas até chegaria, não fosse o caso do marido ser um bom garfo e faca e prato, etc, etc... ( ok, ok, eu também gosto de comer). Há que rentabilizar a coisa!
Cortar os bifes de perú às tirinhas (como se fosse para fazer strogonoff), temperá-los com limão,  raspas de gengibre (o belo do gengibre) e uma pitadinha de sal.  Colocar uma sertã ao lume com um pouquinho de margarina, só mesmo para não pegar a cozinhar e deitar lá para dentro o perú juntamente com uma latinha de cogumelos  laminados. Deixar cozinhar e regar com um pouco de molho de soja. Quando estiver pronto entornar o arroz que sobrou do almoço (lembram-se dele?) na mesma sertã e misturar tudo muito bem até aquecer o arroz. Apenas juntei á posteriori  um ovo mexido (mexido separadamente claro) e envolvi no arroz! Ficou um prato bem colorido! E não houve sobras...


quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Legumes salteados com molho de soja e sésamo

Há uns anos atrás, quase invariávelmente e por cultura familiar , que qualquer coisa que fosse cozinhada teria por acompanhamento arroz, batatas (ou ambos) ou massa.
Hoje, tal como várias outras vezes, fui buscar os vários legumes na gaveta do frigorífico, cortá-los em juliana (excepto a cenoura) e confeccioná-los!
Prepare alho picado  e azeite numa sertã para saltear os legumes. Junte um  pouco de gengibre raspado (adoro o cheiro do gengibre) e deixe saltear os legumes. Quando tenho alguns mais duros que acho que vão demorar mais a cozinhar coloco uma tampa por cima para o vapor ajudar na confecção. Junte um pouco de molho de soja. Adicionei também algumas sementes de sésamo.  Dispensa qualquer arroz ou batata!
Se quiser pode colocar cubinhos de fiambre ou bacon  para dar mais um gostinho!

 
E foi a acompanhar uns panadinhos de frango temperados com sal e limão!

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Tinha que experimentar

Certamente muita gente já viu no facebook este tipo de imagem: Um ambientador natural que afasta os mosquitos. Pois devo dizer que é facílimo de fazer, podemos usar limão ou laranja (eu usei limão), dá um efeito espectacular, um perfume delicioso e discreto e não senti qualquer mosquito (note-se que estive com a janela do quarto aberta até tarde para entrar o fresco da noite, e se há melgas, o meu ouvido supresónico ouve logo os zumbidos, para além das ferradelas! Noite tranquila!
Segue-se por imagens a maneira de o confeccionar:

 


 
(Não há cá desperdício de sumo, congelo em cuvetes de gelo e depois adiciono em refrescos, temperos, etc...)

 
E Voilá!
 


Ficou um pouco desfocada, mas acho que dá para perceber bem o efeito!

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Dicas



Já teria por aqui dito alguma vez que me encontro em processo de transformação. Muito os blogues alheios me têm ajudado a organizar uma parte fundamental da minha vida (a casa) e a redefenir prioridades, definir melhor o que posso/consigo fazer com o meu tempo. Não que isso por si só chegue! Sinto que preciso de mais e para surpresa minha reparo (alertam-me) que algo que eu  só tinha nos meus sonhos, realmente existe e é divulgado pela internet.
Ora sonhava eu que poderia haver uma cooperação local entre vizinhança de troca de serviços sem cobrança dos mesmos, tendo em consideração que cada um de nós terá sempre algo a mais que o parceiro do lado que o poderá beneficiar (e vice-versa). E para meu espanto já existe algo do género, que por eu estar a "dormir" não sabia da sua existência: O Banco do Tempo.


Foto de perfil

Por outro lado, a cooperação entre pessoas (maioritariamente mulheres) que também se entreajudam e partilham ensinamentos, tendo como base a proposta de um mundo mais auto-suficiente, a busca de alternativas que nos ajudem a estar em maior comunhão com a natureza por forma a criar um mundo melhor para os nossos filhos. Estou a falar das Mães de Transição.

Para além disso, e como forma de combater o consumismo da sociedade, prevendo uma melhor partilha de bens que ainda podem ser reaproveitados, eliminando o mais possível o factor "dinheiro" , temos vários sites de trocas, como por exemplo o Ecotrocas.

Todos estes sites e outros estão a ser alvos de estudo (por minha parte que ainda sou muito leiga nestes assuntos).
Se quiserem acrescentar mais alguma coisa, a vossa experiência, outros blogues/sites que vão de encontro a estas ideias gostaria muito que a partilhassem, pois toda a experiência pode ser importante e útil aos outros!

Sobre o pão


Confesso que sempre me fazia muita confusão a quantidade de pão que por vezes me sobrava e eu por "desgoverno" não conseguia dar vazão. Vai daí que quase invariávelmente ficava "esquecido" nos sacos, até entregar a alguém com galináceos que os aproveitava na sua alimentação ou até ganharem bolor e eu mesma os deitar ao lixo.
Pois isso acabou!
Para além de congelar pão para ter de reserva quando de repente me vejo desfalcada, já tenho feito pudim de pão, "ninhos de ovos" com espinafres no forno e, mais recentemente, com a aquisição do meu robô de cozinha, uso o pão "duro que nem pedra" para fazer pão ralado que coloco depois em frascos reutilizados (sim, não servem só para a compota). Num deles misturei oregãos e é só sentir o cheirinho quando se abre o frasco.
Depois coloco a receita dos "ninhos"  e do pudim de pão.

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Arroz de pato (?)



Por vezes dá-me para fazer arroz de pato. Só que não leva pato! Leva perú que fica bem mais em conta! Por norma e para dar uma dose para aproximadamente 4 pessoas (somos só dois adultos, mas dá para levar para o trabalho) compro uma perna de perú.
Cozo a perna de perú com cebola, sal, loureiro e pimentão doce.  Reservo a água de cozedura e deixo o perú esfriar para desfiar completamente. Depois faço um refogado e deixo a cebola estalar. Junto o perú desfiado e a quantidade pretendida de arroz (bem medida). Deixo fritar um pouco no azeite e junto a água em que cozi o perú (normalmente o dobro da quantidade que coloco de arroz). Deixo cozer só um pouco (não deixar a água desaparecer completamente )e depois verto tudo para uma assadeira à qual posso acrescentar por cima chourição e queijo ralado. Vai ao forno acabar de cozer e gratinar!
E temos uma imitação de arroz de pato (bem mais económica)!

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Bolo de maçã



Adaptei também uma receita de bolo de ameixa e fiz com as ditas maçãs. Curiosamente apesar de tudo não sei qual a variedade destas maçãs. Para quem me puder esclarecer, elas são cor de rosa por dentro.
Ingredientes:
350 gr de maçãs descascadas e fatiadas
3 ovos
125 gr manteiga
125 gr farinha

Forrar uma forma com papel vegetal . Por cima do papel polvilhar com açúcar e colocar as maçãs fatiadas. Num recipiente misture a manteiga com o açúcar, os ovos inteiros e a farinha e coloque sobre as maçãs. Levar ao forno a 180º C e deixar arrefecer antes de desenformar.

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Compota de maçã com amêndoa



As maçãs chegaram por intermédio de uma colega! E eram tantas que não me parecia que as comeria por si só! Por isso, ala fazer compota! E esta tem brinde!

Ingredientes:
1 kg maçã
1 kg açúcar
125 ml água
1 pau de canela
2 cravinhos
amêndoa laminada

Numa panela grande (comigo quando começava a ferver vinha sempre por fora) colocar todos os ingredientes com as maçãs devidamente descascadas e descaroçadas.  Assim que começar a ferver baixar o lume e ir mexendo de vez em quando. Ir retirando também com uma escumadeira a espuma que se vai formando à superfície. Quando estiver bem cozido, retirar o pau de canela e passar a varinha mágica. Juntar as amêndoas laminadas. Deixar ferver até atingir o ponto de estrada.  Depois é só colocar em frascos esterilizados ( esterilizo os meus no microondas na potência máxima durante 10 minutos com um fundinho de água) e deixar esfriar com os frascos virados para baixo para criar vácuo.

sábado, 11 de agosto de 2012

Mousse de menta



O aniversário não constou só de bolo a nível de doces!
Fiz também uma mousse de menta. Eu que não sou muito dada a mousses, estas diferentes puxam-me ao paladar. E é tão simples de fazer!

Ingredientes:
6 ovos
1 caixa de chocolate after eight
100 gr de chocolate de leite

Derreter ambos os chocolates em banho maria, ir mexendo devagarinho à medida que derrete.
Separar as gemas das claras e batê-las em castelo.
Misturar as gemas ao chocolate derretido e depois envolver as claras  misturando tudo muito bem. Levar ao frio umas horas. Decorar a gosto!

Bolo de chocolate


Esta semana ouve festa! O marido fez anos. Mesmo a nível de aniversários vamos tentando ter um pouco de contenção nas despesas. Vai daí este ano, no aniversário dos que me são muito próximos, tenho eu feito os bolos. E felizmente têm-me calhado bem.
Para o marido fiz um bolo de chocolate. Estava um pouco receosa, pois ao sair do forno parecia-me estar um pouco seco, mas não. Apesar do aspecto firme o seu interior estava bem agradável.
Aproveitei a receita dos popcakes que já tinha feito uma vez pois lembrei-me que o bolo em si saiu de um tamanho bem razoável e eu  tinha 10 pessoas em casa para comemorar....
Ora cá vai a receita (retirada do blogue da Joana Roque)!

Ingredientes:
6 ovos
75 gr de chocolate em pó
1 dl de água quente
250 gr de farinha
300 gr de açúcar
3 colh. chá de fermento em pó
1 colh. chá de sal fino
1 dl de óleo
1 colh de sopa de açúcar para as claras

Dissolver o chocolate em pó na água quente e deixar arrefecer.
Noutro recipiente misturar a farinha com o açúcar. Misturar as gemas, a mistura de chocolate e água já fria, o óleo, o sal e o fermento. Misturar muito bem com a colher de pau e depois bater bem durante alguns minutos.  Foi aqui que fiquei assustada com a consistência! Mas ainda faltavam as claras...
Bater bem as claras em castelo misturar o açúcar no fim. Juntar ao preparado anterior envolvendo bem com a colher de pau.
Levar ao forno a 180ºC. Decorei com um suposto creme de pasteleiro. Não creio que a parte do creme tivesse  ficado bem, por isso para já não deixo a receita.

domingo, 5 de agosto de 2012

Dicas ...

Quem tem gatos (ou cães) como eu pela casa... pelos sofás.... pelas colchas da cama... a roçar nas nossas calças pretas... sabe a quantidade de pêlos com que tem que lidar diáriamente. Agora imagine que não tem estes fantásticos "rolos tira pêlos"

Podemos usar uma escova de cabelo enfiada num collant velho. Friccionando nos tecidos, a electricidade estática prenderá os pêlos no collant


quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Bolo de Tomate com bagas goji


As coisas por aqui têm andado difíceis a nível de tempo. Muito trabalho (graças a Deus, diria muita gente!) e algum desânimo por não estar a conseguir organizar o tempo como gostaria (quem disse que veterinária é dona do seu próprio tempo?) fez com que um fim de semana se reduzisse apenas a isto: Um bolo de tomate! Qual casa, quais arrumações, qual descansar? Só me sobrou o Domingo à noite que não me predispõe para assuntos de organização e limpeza. E fui afogar mágoas para o fogão antes de ir dormir.
Esta foi uma receita adaptada da Bimby. Como não "bymbamos" cá por casa foi feito à la maneira do costume. As ditas bagas estão incluidas na receita para quem quiser experimentar. Eu não as tinha e acho que ficou bom mesmo assim. E quem se esteja a perguntar pelo "raio da ideia" de fazer bolo de tomate, experimente.... vai ver que não se sente nada!

Ingredientes:
200 gr tomate
5 paus de cravinho
1 colh. sobremesa de bicarbonato
50 gr. bagas goji
vinho do Porto
60 gr margarina
150 gr açúcar amarelo
1 colh. sobremesa de canela
2 ovos
150 gr farinha para bolos

"Demolham-se" as bagas em vinho do Porto. Deixa-se macerar.
Retirar a pele ao tomate, cortar em pedaços e juntar o cravinho. Colocar no copo misturador e tritura-se com a varinha mágica. Adiciona-se o bicarbonato de sódio mexendo com um garfo. O tomate começará a formar bolhas.
À parte, misture o açúcar e a margarina. Junte os ovos e a canela. Adiciona-se o tomate, a farinha e as bagas depois de escorridas.
Vai ao forno a 180ºC, ir verificando cozedura com um palito....


quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Anúncio

Tenho andada ocupada a organizar o lar (e já tenho fotografias para depois partilhar tudinho aqui!), a fazer compotas (benditas cerejas, ameixas e pêssegos da família!), a experimentar receitas vegetarianas (obrigada pela dedicatória no livro Gabriela) e a costurar algumas coisinhas.

Se a tudo isto juntarmos o trabalho e a família, dá para perceber porque é que só cá venho anunciar sobre o que vou escrever e não escrever mesmo! :-)

Mas está para breve, me aguardem! :-D

Imagem retirada da net