Buddha Quotes

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Esparguete com Gambas e Espinafres









Este é um dos meus pratos favoritos.
É muito simples mas resulta mesmo.
Vou deixar a receita sem indicar quantidades, pois dependem dos gostos, do apetite e do número de pessoas que se vão sentar à mesa.
Convêm acompanhar com um bom vinho.
Eu, pessoalmente, gosto de uma garrafa “Quinta da Aveleda” bem gelado.





*Gambas
*Espinafres congelados
*Esparguete
*Cebola, alho, sal e piripiri


Cozer as gambas e reservar a água da cozedura que se deve passar pelo coador.

Entretanto deixe arrefecer as gambas juntando cubos de gelo para as manter rijas.

Num tacho fazer um refogado com cebola picada, alhos, louro, sal e piripiri a gosto.

Quando a cebola estiver transparente adicionar os espinafres. Dar umas voltas e de seguida juntar a água onde cozeram as gambas.

Deixar levantar fervura, adicionar a esparguete.

 Quando estiver quase cozido juntar as gambas já descascadas e sem cabeças.

Agora é só rectificar os temperos e saltar para a mesa antes que arrefeça.



6 comentários:

  1. Ando a pensar trespassar o restaurante, deve ser da crise mas está sempre ás moscas!!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. És mesmo mauzinho!
      Lá porque a malta não comenta, não quer dizer que não tenha já andado a babar com o que serves por aqui! :-)

      Acho que este prato iria muito bem com o bolo que ando para partilhar aqui há um ror de tempo. A ver se tens sobremesa antes da próxima semana! ;-)

      Beijinhos e boa semana! :-D

      Eliminar
  2. Adorei a parte do "saltar para a mesa antes que arrefeça"! ;-)
    Eu não teria esse problema, pura e simplesmente porque desconfio que as gambas não durariam tanto tempo! ;-P

    És um cozinheiro e pêras, Manuel! :-)

    ResponderEliminar
  3. Mas que delícia de receita e prato!!! Tu é dos meus: Também não consigo dar receitas com quantidades. Faço em geral à olho,rs abração,chica

    ResponderEliminar
  4. Caro amigo Manuel,

    Hoje vim por aqui, onde ainda não tinha entrado.
    A cozinha... lugar muito importante da casa, pois o que se faz por lá, deve ser com dedicação amor.
    Daqui levo a lição. Simples e parece saltar dessa foto cá para fora um cheirinho de abrir o apetite.
    Gostei da escolha do vinho, mas experimente um Alvarinho genuíno, e logo me dirá se combina bem.

    Forte e sincero kandando

    ResponderEliminar
  5. Caro Guma, pensei no Alvarinho mas temos que acompanhar a crise.
    Um abraço

    ResponderEliminar